Anúncios

Depois de receber, há cerca de dois meses, um voto de repúdio de autoria do vereador da oposição, Heriberto do Sacolão (PTN), a Arcotrans foi sabatinada pela Câmara de Arcoverde.  O legislativo municipal tinha convocado a Arcotrans e a Sinal Park, no entanto, a empresa SinalVida informou que só estaria na Câmara na próxima segunda feira, 18/12, última sessão do ano.  A presidente da Câmara Municipal de Arcoverde, a vereadora governista Célia Almeida Galindo (PSB), inclusive ameaçou abrir uma Comissão Parlamentar de Inquérito – CPI para investigar o funcionamento e arrecadação da empresa responsável pela Zona Azul em Arcoverde, a Sinal Vida.  Iniciada a discussão, a Vereadora Cybele Roa, muito bem preparada para discutir questões da Arcontrans, puxou logo o tema do prazo de tolerância de 20 minutos de estacionamento e que está sendo descumprido pela empresa que explora o serviço em Arcoverde. Cybele inclusive comunicou a Célia Galindo que a SINALPARK entrou com uma ação questionando a Câmara por legislar sobre o tempo de tolerância de 10 para 20 minutos o tempo de tolerância na zona azul.

Publi1

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui